O bicho fala

Outra estória, outro deboche do Herivaldo Cruz, é que ele estava em um determinado local, que era uma parada de ônibus, onde o carro que ele esperava viria.

Um garoto estava olhando espantado para ele. E ele, tentando ser agradável, passou a mão na cabeça do menino. Nisso, o menino caiu no choro, um choro descontrolado.

A mãe do menino, procurou-o para ver o que estava acontecendo, e Herivaldo tentando ser agradável, disse:

– “O que ouve, meu bichinho?”

Quando ele falou, o menino disse :

– “Mãe, o bicho fala!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *